Se não caibo mais em mim
   Cachoeiras de coisas boas...

É... o NÃO venceu o referendo. Me sinto aliviado sim, ñ posso negar, mas como minha amiga Débora Bellentani bem disse, “o homem é quem precisa mudar”, pra q ñ nos pareça mais apropriado viver armados à espera dos bandidos. O certo vai ser quando o medo da violência ñ nos levar a pensar dessa forma e pudermos confiar na segurança pública desse País.

Bom, chega de referendo!!! Até esse resultado foi só no q falei nas últimas semanas! Agora me deixa voltar à leveza novamente.

Queria contar q estou muito feliz pois passei no concurso q prestei, minha dieta de engorda (putz! Parece coisa de gado ou de porco!) está indo bem, meu irmão vai me dar um sobrinho, meus amigos (inclusive os virtuais) tem me dado muitas alegrias, minha vida pessoal e espiritual está ótima e tudo indica q a obra da minha casa ficará pronta até o Natal, quando estarei fazendo aniversário.

Quero deixar um bjo bem estalado e um abraço apertado pros meus amigos virtuais Débora (escritora caipira), Advi (esse anjinho de menina q sempre é um amor), Tereza (minha brasil-parisiense-querida), Chihô (essa brilhante solteira convicta), Roseane (autora do blog “aos olhos de uma mulher”, q é lindo) [Aliás todos os blogs dessas moças q eu citei são fontes inesgotáveis de emoção, cultura e poesia!], Magui (outra diva do uol blog), Suéllem (q da última vez me maravilhou com seus posts), Sil (Silmara q desde q criou outro blog ainda ñ recebeu minha visita, mas a receberá, pois sabe q eu a adoro!), Lauro (q ñ bloga mais, mas será sempre querido e admirado por mim), Graça (lua, quem tbm tenho muito carinho) e Martinha (navegadora q nunca fica à deriva e quem me conquistou com seu carinho) e a todos q entram aqui ou q ñ entram mas q eu amo e que me amam!!!! Fiquem com Deus e saibam q eu estou aqui pro caso de precisarem q eu retribua todo o carinho de alguma forma!



Escrito por Homem das Artes às 04h23
[] [envie esta mensagem]


 
   Referendo 2005 (rs.. q piada!)

(Que tristeza... que tristeza...)

Minha nossa... q país miseravelmente "ingênuo" esse q eu nasci! É realmente deprimente, DEPRIMENTE que pessoas com formação, aparentemente cultas, sensíveis, artistas (e ñ me refiro aos pau-mandados da Globo ñ), possam dizer e escrever impropérios nos veículos de comunicação  pra desrespeitar e contradizer as colocações NO MÍNIMO sensatas(!!!!) dos cidadãos partidários do NÃO desarmamento da POPULAÇÃO ORDEIRA, querendo fazer-nos parecer pessoas frias, violentas e adeptas da desordem.

As pessoas estão tão fragilizadas e fartas da violência q praticamente tomou conta desse estado (mas CERTAMENTE ainda pode piorar!!) e de todo País, q estão assustadoramente “soltando as toalhas”, imaginando puerilmente q entregar as armas não significa exatamente o mesmo que se entregar a violência! Sou radicalmente contra a violência, sou visceralmente defensor da paz, reconheço que muitos homens e mulheres q possuem armas são irracionais e prepotentes (representando um risco) ou irresponsáveis a ponto de deixa-las ao alcance de crianças e adolescentes q causam e são vítimas de acidentes, mas em NENHUMA HIPÓTESE pessoas pacifistas sensíveis e evoluídas podem enfrentar a violência de uma cidade sem governo (pois os governantes não estão MESMO preocupados conosco!!!! SERÁ QUE NINGUÉM DEIXA ESSA FICHA CAIR???), confrontando bandidos seriamente revoltados com a miséria, seriamente desequilibrados pelo uso de drogas, seriamente cegos de ÓDIO da população q trabalha e vive sua vida, canalizando pra ela, uma revolta q tem a ver com a situação política do País e lhes acompanha desde bebês nas suas casas desestruturadas e amorais. Esses marginais, não tem formação intelectual, nem espiritual, nem compaixão!!! Isso é natural, é bonito, é aceitável? NÃO! Mas é fato! E esse tipo de pessoa não entra numa casa de família e vendo um exemplo de lar perfeito, pensa: Ahhh... q gracinha! Eles são honestos, trabalhadores e frágeis!! Acho q não vou mais estuprar, roubar e matar essa família não...

Essa gente está acostumada com gritos de dor, com sangue, com lares desfeitos... é tudo q conhecem! EM QUE PLANETA HOMENS, MULHERES, CRIANÇAS E IDOSOS, INDEFESOS E DESARMADOS SERÃO CAPAZES DE RESISTIR COM VIDA A BANDIDOS MOVIDOS PELA CÓLERA???

“Ahh... quem está do lado da paz e da justiça sempre vence!” Mesmo? Milhões de judeus inocentes (logo após terem sido desarmados) venceram a execrável atrocidade de serem massacrados?? A história está cheia de exemplos do quão estúpida é a idéia de ligar o desarmamento da população ordeira com a paz! Legítima defesa é o único caso em q uma violência é aceita e inevitável. Não fui eu quem inventei isso. Está na constituição e foi parar lá por fazer todo o sentido! Será q qualquer mãe amorosa e delicada não preferiria matar um bandido de 35 anos, com vários homicídios e estupros nas costas, a assistir horrorizada e impotente seu filho ou filha ser destruído por ele?

É resposta é nauseantemente óbvia! Não represento um opositor, um inimigo, um revolucionário não... represento a minha família amada e decente q vem honestamente tentando se manter viva nessa cidade abandonada pelas autoridades. Assim como minha família, represento a sede de paz de milhões!

SIM  A PAZ! NÃO AO DESARMAMENTO! ACORDA BRASIL!!!!



Escrito por Homem das Artes às 20h15
[] [envie esta mensagem]


 
   Felicidade

Onde reside a felicidade q tanto se busca vida afora?

Felicidade é interior saudável. É olhar pra vida com bons olhos. Olhar pra vida com tanta lucidez quanto possível.

Relacionamento é entrega e respeito. Se vc deseja ser feliz com seu amor, entregue-se. Se deixe apaixonar, dê o braço a torcer na maioria dos impasses se a razão pra não faze-lo for puro orgulho. Seja fiel! Respeite seu amor. Flerte e paquera é pros solteiros... ñ entre em situações q ñ saberá lidar depois.

 

 

E até solteiros devem se preservar. Busque de fato seu verdadeiro amor. Esse pode durar por toda uma vida se encarado com responsabilidade e cuidado. E tenha certeza: Paixão, tesão, podem acabar gradativamente junto com a beleza, juventude e saúde física, mas uma comunhão de almas, é eterna!

 

 

Família sempre será um dos melhores reservatórios de felicidade. A manutenção dos relacionamentos familiares é uma das ações mais importantes pros seres humanos. Nunca subestime o poder de um abraço, um beijo, um “eu te amo” ou um sincero pedido de perdão. Perdoe sempre! Perdoe sempre! Eu disse: Perdoe SEMPRE! Você nunca será ferido o bastante pra justificar a falta de perdão!

 

 

Se ñ souberem q te magoaram, ñ conte-os. Simplesmente perdoe a pessoa. Ao invés de se fechar, dobre a dose de amor pra ela e sobretudo não espere reconhecimento. Amor é pra se DAR, não pra “trocar” ou “vender”. Se o desentendimento foi explícito e o constrangimento é recíproco, não guarde rancor. Chore, diga pra pessoa: _Você me magoou MUITO! Mas vamos esquecer isso? _ Mas não dê o troco. Seja a parte a tomar a iniciativa de fazer as pazes.

 

 

 

Algumas vezes encontramos nossa família fora dela. Os laços de amor e afeto vão muito além de parentescos ou ligações de sangue. Valorize e ame seus parentes e ainda q vc ñ encontre neles o amor q precisa, reverta isso ao seu favor. Receba amor de seus amigos, no lugar de seus parentes então. Mas ame a todos!

 

 

Faça atividades que lhe dêem prazer, ou complemente-as quando isso não acontecer, com coisas q o façam. Trabalhe da melhor maneira possível. E se isso for extenuante e enfadonho, crie pequenos intervalos nos quais vc possa fazer o q gosta, ainda q isso seja ler um bom livro ou simplesmente cantar!

 

 

Divirta-se! Com o passar do tempo a vida parece ficar presa num clima de obrigatória seriedade... isso ñ tem q ser assim. Ria de si mesmo, cante, dance, coma e beba do q gosta (moderadamente) pelo menos de tempo em tempo. Não ligue pro que estão pensando de vc! Desde q vc esteja ciente da sua conduta correta, a opinião alheia ñ deve te tirar o sono. O julgamento q as pessoas fazem sobre vc é um PROBLEMA delas, ñ seu!

 

 

E ainda q lhe venha a faltar um grande amor, uma família, um grupo de amigos q a substitua, um emprego, saúde pra se divertir ou forças, fé e esperança, tenha uma certeza na sua vida incerta:

Deus está SEMPRE ao seu lado. Por mais escura q esteja a noite ou mais desesperançada q esteja a vida, Ele pode e quer te dar FELICIDADE.

 

 

 

 Um abraço BEEEM grande aos meus amigos de blog!! Tudo de melhor pra vcs!

 

Augusto Nunes

 



Escrito por Homem das Artes às 19h23
[] [envie esta mensagem]


 
   Gratidão: a Deus e às mesnsagens de vcs.

Quando a gente passa por algo muito ruim (e é claro q o meu algo ruim, pode ñ abater vc, mas todos tem seus pontos fracos próprios) fica difícil ver a saída. Mas é essa a melhor parte. Nenhuma pessoa ou coisa pode te fazer se sentir melhor, mas aí você chora, geme, implora por uma saída... e aí... o milagre acontece! Deus ouve! Ele sempre ouve! (como eu já escrevi aqui outras vezes). É natural do ser humano, esquecer, duvidar... mas definitivamente Deus não faz essas coisas. É fato que Ele ama, perdoa, ouve e salva incondicionalmente. É fato. Quer acreditemos ou não.

A vontade dEle não é a nossa. A justiça tbm ñ. É fácil pedir e querer q Ele satisfaça nossos desejos. Difícil é aceitar q a vontade dEle é um mistério e ainda assim, por saber que é sempre certa (fato) aceitar e até pedir q ela seja feita na nossa vida assim mesmo “as escuras”, sem termos idéia de onde vai nos levar, só acreditando e se convencendo sempre de q seja o q for q Deus quer com aquela situação, ela será sempre BOA e CERTA.

Bom, nessa história toda eu só sei que me sinto mais próximo de Deus do q nunca e isso é realmente maravilhoso. Amanhã eu não faço idéia de como vai estar, só sei q o único q sabe, tem tudo sob controle, então... só preciso viver minha vida e entrega-la com todo o resto ‘pra Ele.

Aos meus amigos e visitantes que estiveram aqui esses dias(fiquei muito feliz com CADA comentário! ‘Brigado de verdade!) um abraço dos grandes! Deixem q eu volte a blogar aqui aos pouquinhos, conforme sentir q tenho o q escrever. Por enquanto, só queria dar sinal de vida e depois de ler os comentários, claro, agradecer esse cuidado de vcs em escrever coisas lindas de se ler! Tudo, tudo, tudo de melhor pra cada um de vcs!

Que tal algumas frases pra fechar? Seria bom, não seria? Seguem algumas jóias q li, ouvi, recebi em mensagens... todas tiveram um significado especial e poderoso pra mim. Espero q gostem.

 

“Deus esquece o que passou. Imite-o.”

   “A fé no futuro gera poder no presente.”

  (Max Lucado)

 

“Duvido que Deus possa usar alguém grandemente sem que o fira com profundidade.”

 (de A. W. Tozer)

 

“Quando um carvalho é derrubado, toda a floresta ouve o ecoar daquele som. Porém, milhares de sementes do mesmo carvalho são plantadas silenciosamente por uma brisa que soprou despercebida.”

 (de Thomas Carlyle)



Escrito por Homem das Artes às 16h38
[] [envie esta mensagem]


 
   A vida TEM q continuar.

  Acabei de passar por uma situação... ñ sei como dizer... uma situação... muito, muito ruim. Não faço a mínima idéia de como vai dar pra continuar, aliás faço sim! com Deus eu vou conseguir passar por isso sem seqüelas na alma. Tenho q, e vou crer nisso!

Acho q ñ vou conseguir blogar por alguns tempos (ñ vou ter idéias legais) e ñ vou postar sentimentos dessa fase ruim aqui. Ñ quero.

Aos amigos Magui, Maith, Paulo, Teresa, Roseane, Advi, Lauro, Silmara, Débora Bellentani, Graça (Lua) e todos q me visitam e a quem eu visito, tudo de melhor e desculpem aos q acabei de conhecer e ñ tive oportunidade de trocar mais mensagens, ainda. Quando eu voltar a blogar procuro vcs. Tudo de bom.

Ps: As mensagens de otimismo q dei a alguns de vcs continuam valendo! Perdi uma batalha mas ñ a guerra... vamos em frente!



Escrito por Homem das Artes às 13h51
[] [envie esta mensagem]


 
   Favor:

Deixa eu pedir um favor! Se alguém não conseguir visualizar alguma imagem no meu blog, me avise q ela ñ está aparecendo q tento ajeitar. (No meu computador elas sempre carregam, claro, pois estão salvas em minha máquina, daí ñ tenho noção se os outros as vêem). 'Brigado!



Escrito por Homem das Artes às 18h54
[] [envie esta mensagem]


 
   Carp Dien!

Não por falta de tempo, assunto e paciência, mas por ter achado muito bom, hj vou postar apenas um link pro post de um amigo q visitei e achei esse texto. Grande (logo avisando aos preguiçosos..) mas muito legal e propício. Se o link abaixo ñ estiver ativo, copiem e colem no navegador. O post é o de Domingo, Agosto 28, 2005. Deve ser o primeiro da página. Abraços aos visitantes de hj do “Se ñ caibo mais em mim”!

 


http://www.amadurecendo.blogger.com.br/ (outro Blog - estilo retrô- do Paulo é o Playground dos Dinossauros)


Nada lhes impede porém, de voltar aqui depois e devorar meu blog de cima a baixo! 

Inté...



Escrito por Homem das Artes às 14h51
[] [envie esta mensagem]


 
   O grito

 Todas as semanas aos domingos, religiosamente alguns políticos bancam uma verdadeira micareta pro povão dessa área do bairro. A partir das 22:30 mais ou menos, “soltam” o som. Invariavelmente é funk, o volume é homérico, as letras, palavrões inacreditáveis e em apologia a facções de tráfico e uso de drogas. Muitos cidadãos aproveitam pra montar suas barraquinhas q vendem da cerveja aos destilados, de pastel a angu à baiana. Fecham a rua e o povo começa a lotar todo o espaço ao redor das “atrações” q são os carros de som (e também alguns carros particulares equipados com super-sons nas malas q ficam abertas), pula-pulas pras crianças (éééé... ou algum ingênuo achou q as mães deixariam elas em casa?) e todo esse comércio q se instala com mesinhas e tudo. A clientela dessa zorra são vários motoqueiros, vários adolescentes, muita garotinha nova fincada em roupas de não dar pra acreditar, muita mulher com criança de colo e até bebês em carrinhos (!), muito homem q todos vêem q já saiu de casa mal intencionado, e muitas famílias completas q chegam em seus carros q lotam as ruas como ficam as do Centro da cidade no meio dos dias úteis. Daí, das 22:40 às 02:30 essas pessoas, dançam, bebem, fumam (toda sorte de coisas), cheiram, se agarram, mandam as crianças cansadas e sonolentas calarem a boca, balançam os carrinhos com bebê enquanto ensaiam a concepção de outros, se encharcam e vem mijar na porta e no muro das pessoas (os homens em qualquer lugar, as mulheres atrás dos latões de lixo das ruas q usam como “paredinha” – fazem fila pra isso!!!!!) e deixam aquelas poças por toda parte. Vez por outra, óbvio, sai uma confusão, uns tiros pro alto, uma correria (surpreendentemente é menos do q se pode imaginar porém), o q depois de alguns minutos é esquecido e recomeça a micareta.

Bom, saldo final da diversão: MUITO lixo forrando o chão na segunda de manhã pros famigerados garis limparem, MUITO mijo seco e ou empoçado pra eles desinfetarem (o q nem sempre é feito ­­_ e não podemos condena-los por isso, coitados _ ficando aquela murrinha durante alguns dias pela rua), noites mal dormidas pela parte do povo q se preocupa com o trabalho na segunda-feira e tudo por isso mesmo. Ninguém se mete a desafiar a festa pq ela foi sendo instalada bem aos poucos pelos traficantes q mandam e desmandam.

Ai... ai... Antigamente aqui era tão diferente. E eu não posso sair. O CORRFA (Clube de Oficiais Reformados e de Reserva das Forças Armadas) consórcio de compra de imóveis q usava indevidamente esse título e foi desbaratado há algum tempo pela polícia, sumiu com todo meu dinheiro (e de toooda gente q caiu no golpe) q paguei durante mais de dois anos. Como o processo coletivo q ‘tá sendo movido é à lá Palace dois, eu vou testemunhando a degradação de um bairro mais um pouco...



Escrito por Homem das Artes às 04h57
[] [envie esta mensagem]


 
   Mulheres q admiro ESPECIAL

Especialmente pra você... saudades...

 

Lembrar de uma pessoa amada é reviver os momentos bons novamente. Pode parecer que aquilo nunca mais vai voltar mas é só impressão. Lembranças boas são capazes de trazer de volta as mesmíssimas sensações q tivemos em determinado momento, sem deixar de lado a alegria, o sorriso, a emoção, as impressões e tudo mais que tivermos sentido naquele instante. Quando nos damos conta estamos sorrindo o mesmo sorriso, pensando as mesmas idéias, chorando as mesmas lágrimas e sentindo a mesma proximidade, que são capazes de serem revividas na íntegra. Que bom é reviver os nossos momentos! Que bom q demorei tanto a amadurecer e pude rir e falar besteiras despreocupadamente, fazer piada e confidências, ouvir desabafos e brincar, me sentir especial e considerar você alguém muito além disso. Que bom q tivemos tantos momentos memoráveis juntos! Que bom q foram infinitamente mais intensos e em maior quantidade q os maus.

Ainda rio ao lembrar das “mímicas”, do “bairro limoeiro”, do Cadinho e toda aquela turma, das fitas, do “Quem mandôôô??” com voz assustadora, dos papos sérios, da evolução de nossas personalidades, e de toda uma infinidade de detalhes. Puxa! Que infinidade de pequenos detalhes q faziam (ainda fazem) tão bem. Aprendi tanto com você! Será q te ensinei algo fundamental tbm? Pode ter sido né?

Você me deu essa foto aí acima e escreveu bem humoradamente atrás: “Pra você se lembrar de como sou linda!”

Querida... eu jamais vou esquecer disso na minha vida. Pode apostar as suas fichas.



Escrito por Homem das Artes às 02h23
[] [envie esta mensagem]


 
   Agradecendo os votos

Caramba! Vi agora q votaram 29 vezes no meu blog!!! Q surpresa!!!! Eu tenho o hábito de votar nos blogs q visito, mesmo q ñ me sinta à vontade de deixar um comentário (pq alguns blogs tem posts q ñ tem nada a ver comigo, com o q penso... e ñ tenho o q comentar. Comentar: "Estive aqui", fica péssimo! O dono vai pensar: "E o Quico?? Te perguntei nada!". Criticar tbm eu ñ me sinto no direito. Me atenho em votar.) Mas achei q ninguém fizesse o mesmo... Pô! legal. A quem votou, 'brigado!

Eu mesmo dei um voto 9 pra mim, mas se ele subiu 0,9 ao invés de estagnar ou decair é q os votos estão elogiosos... Que bom! 'Brigado de novo!



Escrito por Homem das Artes às 23h08
[] [envie esta mensagem]


 
  


Queria q meus amigos, meus visitantes queridos, me desculpassem se as vezes o “q não cabe mais em mim” e que exponho aqui, é algo não tão bonito de se ver e ler como vcs merecem.




Escrito por Homem das Artes às 01h12
[] [envie esta mensagem]


 
   ...

Às duríssimas penas, eu aprendi a calar minha grande boca. Aprendi q de nada adianta entrar em discussõezinhas imbecis sobre assuntos q enchem de câncer as mamas e as próstatas do planeta, destruindo TUDO q for natural, bonito, puro... Aprendi que de nada adianta tentar expor minha indignação (meus Deus! E quanta indignação!) pra qualquer idiota, na esperança de impedir q o bolo na garganta e a taquicardia gerada por certas abominações q se vê, ouve, lê, sente, me levem à demência, ao derrame, ao infarto, ou coisa pior. Soraya uma vez me disse q existem certas coisas q ñ podemos mudar (na cabeça das pessoas) e a única forma saudável de lidar com isso é ñ se preocupar com os outros e sim com a maneira como vc trabalha esses “conceitos-culturais-mórbidos” na sua cabeça. Mas Cristo Rei, guardar essas indignações em mim às vezes, é tão destrutivo quanto tentar combate-las. Sou pequeno demais pra processar tanto ódio em crescimento pessoal. (Olha! Meu coração já ‘tá quase saindo pela boca só de escrever essa droga!)

Deus sabe que tenho feito de tudo pra não deixar qualquer fagulha de ódio se instalar dentro de mim nos últimos tempos, mas nesse momento não posso me conter nem deixar de generalizar: EU ODEIO COM TODA A MINHA ALMA E TODA MINHA ENERGIA VITAL AS FEMINISTAS E OS MACHISTAS!! MORTE A TODOS ELES!!! MORTE A TODOS ELES!!!!!

Jamais teria forças, estômago ou intrepidez de matar uma pessoa, mas que a bondade de Deus possa me perdoar de odiar com tanta paixão (e sem receios) criaturas tão abomináveis!!!!

Grande parte dessa atmosfera inóspita q o mundo tem pra homens e mulheres íntegros, genuínos e bem resolvidos é culpa dessa corja maldita(!) que deseja transformar seres humanos masculinos em MACHOS (sem expressão, sem delicadeza, sem sentimentos, sem beleza, sem vida, sem alma, sem Deus, sem choro, sem fragilidade, sem NATURALIDADE), MACHOS mesmo, como animais irracionais, como cavalos, cães, asnos, e toda vida irracional q é dominada por seus instintos de competição e suas pretensas ereções de rocha inabaláveis e seres humanos femininos em pedaços de carne barata, inúteis, contidas, amarradas e subestimadas SÓ à parte de suas mil faces (MEU DEUS!!!! SÃO SERES HUMANOS AFINAL!!!! TEM MIL E UMA FACES!!!! NÓS HOMENS, SOMOS SERES HUMANOS AFINAL!!! TEMOS MIL E UMA FACES!!!! NÃO SÃO PÊNIS A VAGINAS QUE NOS TIRAM DESSA ÚNICA E PRINCIPAL “CATALOGAÇÃO”: NÓS, HOMENS E MULHERES, SOMOS SERES HUMANOS, DROGA!!!!), de modo que sejam APENAS as geradoras de bebês, as intuitivas, as subjetivas, os bibelôs criados por Deus pra empoeirar nesse ou naquele pedestal!! Nããão!!!! Homens e mulheres são IGUALMENTE capazes de ser fortes, fracos, feios, bonitos, rudes, delicados, inúteis, talentosos, inábeis, capazes, masculinos, femininos!!!! E principalmente NÓS TEMOS ESSES DIREITOS, MERDA!!! Pro diabo, quem nos rotular de viados, piranhas, mal amados, invejosos, sapatões, e todas essas palavras criadas pra humilhar, matar, destruir, castrar, podar e secar o q há de mais vital!!! PRO INFERNO as interpretaçõezinhas aéreas que provavelmente virão sobre esse post!!!



Escrito por Homem das Artes às 16h42
[] [envie esta mensagem]


 
   Seguindo com a série: MULHERES Q ADMIRO...

Lindona

 Bom, gostar da Emília foi fácil. Falar dela nem tanto. Emília na minha ótica, é uma mulher incrível em vários aspectos. No entanto, três de suas virtudes eu posso citar sem medo de erro:

Inteligência, justiça e aquele estilo ágil, nervoso, que caracteriza as pessoas com vitalidade de alma! Outra característica dela, que eu particularmente gosto muito (os outros podem ver como algo bom ou ruim, ñ sei), é a sua transparência. Ela não serve pra fazer média, politicagem ou grandes rodeios. Geralmente não poupa as pessoas da verdade, nem fala coisas agradáveis só pra agradar ou inflar o ego de ninguém. Dessa maneira, sempre pude ficar feliz quando recebi um elogio ou um agrado seu, pois sabia que era verdadeiro e espontâneo. Da mesma forma, recebi milhares de cortes, críticas e escrachos (pq as vezes eram exatamente isso) dela quando achou q eu merecesse, fazendo com q eu ficasse arrasado por um minuto, mas depois percebendo que tudo era válido (vindo dela! Nem todo mundo pode me esculhambar assim não!) já q ela é uma pessoa verdadeiramente autêntica.

Por outro lado, nem tudo é complexidade nela não... a Emília é uma excelente companhia pra fazer as coisas mais simples como papos-cabeça intermináveis, horas a fio de riso solto, algumas confidências, comer e beber, rir dos outros e de nós mesmos (sem cair no escárnio), e tudo o mais. Sinto saudade das minhas tardes de absoluta irresponsabilidade, quando saía da minha sala (na época em que trabalhamos juntos) e ia até a dela saborear nossa identificação durante longos tempos (horas até!!!!), enquanto meu trabalho criava cogumelos sobre a mesa... Se bem que não foram poucas as vezes que minha criatividade (até então exaurida de stress) voltava polida de nossas “reuniões”.

Enfim. Mil histórias... mil lembranças carinhosas dessa ariana q vai ser sempre a minha Lindona.


Luz

 

A Luzinha sabe exatamente como nossa relação evoluiu incrivelmente desde quando nos conhecemos. Hoje posso dizer q nos tornamos grandes amigos! Tenho um enorme respeito e carinho por quem ela é. Aprendemos com muitas horas de conversa e convivência, a tirar o q cada um tinha de melhor pra oferecer pro outro. Descobrimos semelhanças, ganhamos confiança recíproca, desenvolvemos parcerias muito legais e até parcerias profissionais! A Mônica é uma daquelas pessoas que me faz sentir bem, como em família. Aquele seu jeitinho de menina, sua cultura admirável e sua extroversão (ela faz amizade até com poste!) garantem o sucesso de qualquer programa simples como fazer compras ou bater pernas por aí, seja sozinhos ou com um grande grupo de amigos em comum! Aliás, a Mônica tem uma facilidade incrível de fundir núcleos diferentes de relacionamento! Eu sou do tipo q deixo minhas relações muito separadas (não propositalmente), como em compartimentos diferentes: Aqui amigos virtuais, aqui vida sentimental, aqui parentes, aqui colegas, aqui amigos... E ela não. Ela chama a galera toda pr’uma mesma mesa redonda e faz a festa no meio dessa miscelânea! Une os grupos e faz com que todo mundo fique amigo de todo mundo. Maior barato! Eu confesso que até consigo cogitar a hipótese de fazer isso nas minhas relações também hj em dia. Aprendi com ela.

Mônica Luz pra mi hoje, é alguém absolutamente diferente da jornalista-secretária-executiva (ótima por sinal) que conheci. Ela é uma amiga querida, que me ajuda em pequenas e grandes coisas e por quem eu torço muito pela felicidade e sucesso em todos os campos da vida, assim como das pessoas que fazem parte disso e que ela ama, como os talentosos filhos, a genial mãe, o namorado, os amigos, etc. Tenho a certeza de que essa amizade se tornou um ganho pra toda a vida... e isso me deixa realmente satisfeito.

 



Escrito por Homem das Artes às 06h06
[] [envie esta mensagem]


 
   Da série: Mulheres q admiro.

Susan Sarandon

 

Deixa-la de fora dessa lista pelo fato de ser uma nova-iorquina, atriz, de quem eu conheço pouco da vida real, seria minimalismo. Embora ela seja libriana, suas personagens quase sempre seguras, fortes e passionais, e sua militância política (de esquerda, claro) me dão a idéia de que ela tenha de verdade, características bem fortes de personalidade como uma ariana, talvez.

Susan Abigail Tomalin (nome de solteira. Sarandon foi herança do 1° marido Chris Sarandon com quem casou em 68), estudou durante toda sua formação básica em colégios de freira, num ambiente rigoroso e extremamente conservador, tendo lhe rendido além de uma educação admirável, uma tendência a se rebelar contra outras opressões.

Nessa fase em que deixou o colégio de freiras cheia de sede de vida e com um espírito belicoso, é q começou sua carreira genial como atriz. Daí iniciou com “Joe”, passando a “Rocky Horror Show” onde ganhou uma big d’uma popularidade e segue fazendo “Atlantic City”, “Depredadores”, “As bruxas de Eastwick”, e por aí continua fazendo outros papéis até chegar em 91 a estrelar “Thelma & Louise” de Ridley Scott, ganhando uma indicação ao oscar e o meu coração. Bom, depois dessa deliciante atuação, quem ousaria segura-la? Vieram “O dono da noite”, “Unidos pela esperança”, “O cliente”, “Adoráveis mulheres”, “Os últimos passos de um homem”, “Fugindo do passado”, “Lado a lado”... enfim... A garota brinca de ser boa!!!

Susan Sarandon, sempre ligada a causas sociais e políticas, democrata, antes ativista, é definitivamente uma mulher independente, determinada, emancipada e militante sem deixar de ser mulher. De lambuja, ela ainda nasceu linda, sexy e irresistível...

Precisa de mais alguma coisa??

E o babaca do Augusto aqui tentando a vida no Rio, quando deveria jogar tudo pro alto e fazer da sedução da Susan sua meta de vida! 

                                   

  >> >> >> >>  ...



Escrito por Homem das Artes às 06h07
[] [envie esta mensagem]


 
     Nossa! Como eu quero chegar logo em casa! Chegar em casa, só com a roupa do corpo, sem todas essas malas pesadas. Quero poder olhar pro meu pai e dar um abraço sem hora pra acabar nele. Não vou lhe contar nenhuma dessas coisas, nem lamentar o q quer q seja. Se eu conseguir chegar em casa e olhar nos olhos dele, nada mais vai ter importância a não ser a paz e a felicidade q vou começar a sentir. Bom, de fato esse ônibus pegou um caminho que eu não previa e q pra falar a verdade eu já tive muito medo de enfrentar, fosse dentro de que veículo fosse. Achei essa carta dele aqui nessa bolsa de viagem q minha mãe me emprestou. Embora a carta seja antiga e tenha sido escrita há muito tempo (eu acredito), está novinha em folha! Envelope branco, papel de carta cheirando a novo, dobrado de maneira perfeita. Quando olhei, por incrível que pareça não me interessei pelo que fosse. Achei q fosse algum documento ou texto da minha mãe, mas depois que abri pra ver, percebi que era a letra do meu pai e estava escrita pra mim. Logo fiquei instigado a ler até o fim. A carta é grande, mas devorei-a sem nem perceber, ainda q ñ tenha sido tão rápido ao fazê-lo. Reli mais de uma vez alguns trechos e me emocionei muito em vários outros. Lendo essa carta, senti mais viva do q nunca a esperança de chegar logo no meu destino. Quando acabei de ler a última frase, dobrei o papel, coloquei dentro do envelope q fechei e repousei sobre as pernas. Foi ótimo ler isso. Precisava dessa paz novamente e agora q a tive, até recostei o banco e estiquei as pernas pensando q a viagem seria rápida dali pra frente. Hum!  Ledo engano! Meu humor estava maravilhoso sem dúvida, mas o caminho do lado de fora da janela, é real demais pra passar despercebido. E ainda tem essas pessoas! Não sou o único passageiro e por mais q eu tente ser otimista com a viagem, nem todos os outros passageiros parecem fazer o mesmo. Estão irritados e assustados, reclamando como o motorista pôde se perder dessa maneira. Acho q se lessem minha carta, também se sentiriam melhores, mas não posso mostra-la pra todo mundo! Nem os conheço! E droga, como eles falam! Reclamam do sacolejo do ônibus e da paisagem assustadora. Falam mal do motorista que parece estar dormindo ao volante e uns dos outros também.

Achei q devesse mostrar a carta pra essa senhora do meu lado, talvez ela também se sentisse bem. De fato leu rapidamente e disse: _ Nossa! Que lindo! Obrigada por me mostrar isso. _ Mas o efeito da leitura não durou muito tempo e logo a mulher estava novamente reclamando de tudo. É... pensando bem não posso culpa-la. A carta nem era pra ela e eu q era o dono mesmo, também pareço já estar esquecendo das palavras confortáveis e otimistas que li. Mas é q tudo nessa situação se torna muito difícil! Eu quero ser agradável com essa senhora, e por não corta-la em suas críticas, acabo sendo conivente. Deveria ao menos lhe dar conselhos de q ñ devia ser tão amarga, mas admito que até lhe ajudei a criticar aqueles outros passageiros e também a praguejar pelo sol escaldante que está exatamente do nosso lado do ônibus. E essa maldita poeira q levanta do chão de terra batida abaixo dos pneus? _ Já sei! Vou pra parte de trás do ônibus! Lá não me envolvo nessa discussão. _ Levanto e aos trancos e barrancos chego na última poltrona e antes q possa sentar, caio em cima dela com um solavanco. _ Ufa! Aqui acho q posso me sentir melhor. _ Me ajuda um pouco ficar assim longe de toda aquela gente. Posso pensar em conversas com meu pai e me imaginar deitado confortavelmente em seu colo como quando era bem pequenininho. Me sinto bem fazendo isso, mas as horas estão voando! Difícil de acreditar q várias delas já passaram e a paisagem lá fora continua quase a mesma.

Aqui atrás, embora me sinta mais tranqüilo, é um pouco triste. Ficar sozinho assim me faz pensar em coisas ruins ao invés de só concentrar meus pensamentos em minha casa ou nas coisas boas q encontrarei quando chegar por lá de novo. Eles estão rindo tanto... parecem tão felizes! Não. É só aparência, eles vão recomeçar suas conversas pessimistas e deprimentes a qualquer momento.

Bem... Embora a velha ainda esteja debruçada no braço da poltrona cochichando algo com aquela outra, ainda assim, lá na frente as coisas parecem mais interessantes q aqui atrás.

Acho q vou mesmo me juntar a eles. A viagem agora está sombria demais subindo essa serra nublada. Daria tudo pra estar em casa agora! Daria minha própria vida sob tortura pra estar em casa mais uma vez! Mas nem sei se esse ônibus sacolejante e sem um motorista confiável vai me levar em segurança pra casa. Nem sei se o motorista vai conseguir sair desse lugar estranho agora q se perdeu da rota original. Bom, não me imagino caindo com esse ônibus velho ribanceira abaixo e por mais q a estrada à beira dela seja estreita e o caminho sombrio, a imagem da minha porta de casa se abrindo e um terno abraço me esperando ainda é mais viva do q a sensação de que esse motorista não vai achar o caminho de volta pra tirar todos nós daqui. O jeito é me juntar aos demais. Eles não podem ser tão ruins assim nem ser culpados por eu me comportar de maneira errada. Caso eu faça isso, a culpa vai ser minha mesmo e como não posso saltar aqui no meio do nada, seguro forte essa carta com a linda letra do meu pai e vou pra perto dos outros, seguir rumo ao meu destino (seja qual for), tendo a certeza de q ao menos por algum tempo, consegui acreditar que voltaria pra casa em segurança.



Escrito por Homem das Artes às 02h13
[] [envie esta mensagem]


 
  [ ver mensagens anteriores ]  
 
 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, Homem, Cinema e vídeo, Livros, bons amigos, ilustração, música, vinho..


HISTÓRICO
 23/10/2005 a 29/10/2005
 16/10/2005 a 22/10/2005
 25/09/2005 a 01/10/2005
 04/09/2005 a 10/09/2005
 28/08/2005 a 03/09/2005
 21/08/2005 a 27/08/2005
 14/08/2005 a 20/08/2005
 07/08/2005 a 13/08/2005



OUTROS SITES
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis
 Blogue da Magui
 Meus trabalhos (requer senha)
 Coldplay
 Aos olhos de uma mulher
 Rio Paris sem escalas
 Amadurecendo... sempre.
 Bisavó blogueira
 Insumos 'pra edição de blogs
 Sonhos da Lua
 Blog da Miliza
 Flog da Tereza
 Nevagar Impreciso
 " target="_blank">
 Cuidado! Estão te espiando.
 Vivência plena
 Advi simplesmente
 Falando Francamente
 Blog da Silmara
 Clube dos Solteiros
 Escritora Caipira


VOTAÇÃO
 Dê uma nota para meu blog!